Saúde Vegana Vegano e Sofia

Como funciona a Terapia Floral de Bach na Prática?

Terapia Floral de Bach: entenda agora como funciona, onde atua e para quais situações é indicada!

Depois de uma breve abordagem na postagem anterior sobre a vida do Dr. Bach e como ele desenvolveu a terapia floral de Bach explicaremos um pouco mais como é realizada esta terapia.

Qual o objetivo da terapia floral?

O Objetivo da terapia é equilibrar em três aspectos o cliente, físico, mental e emocional. Devemos lembrar que a OMS (Organização Mundial da Saúde) define saúde como um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças.

Algo muito importante dentro da perspectiva desta terapia é não lutar contra a desarmonia (doença). No entanto, buscar trazer os defeitos da personalidade à consciência e criar condições para poder elaborá-los de maneira equilibrada. As essências florais ancoram na personalidade as virtudes opostas aos vícios, trazendo assim a cura. Importante saber que o método não é para uso paliativo e sim para cura e restauração da saúde da mente do ser.

Onde age o floral?

O floral age no corpo sutil da célula, não detectável por nossos equipamentos e instrumentos de medição. Constituído de uma espécie de matéria vibratória mais alta, trabalha os níveis de consciência, ora transformando condições desarmoniosas, ora ampliando as condições positivas.

Como o floral age no organismo?

É instantânea a absorção, mas os resultados podem não ser imediatos. Às vezes são necessários alguns meses e muitas indicações, até se desmontar um padrão desarmônico. Facilita o processo psicoterapêutico pela liberação de padrões indesejáveis.

O floral tem efeito colateral ou contra indicação?

Não. O que pode acontecer é a exacerbação dos sintomas físicos, mentais ou emocionais, onde a essência está atuando e trazendo para a consciência as emoções subjacentes às desarmonias. A esse processo damos o nome de catarse, que significa purificação ou limpeza.

Nesse período haverá a confrontação de sentimentos dolorosos para o desbloqueio, assim devemos ficar atentos as emoções, sonhos e percepções. Crianças, gestantes, idosos e animais podem fazer uso dos florais, sem contra indicação.

Pessoas que estão utilizando medicação alopática também podem se beneficiar com a terapia, pois além de agir na causa do problema, também pode minimizar os efeitos colaterais que toda medicação pode provocar a curto, médio ou longo prazo.

Possibilidades de indicação da Terapia Floral de Bach…

A primeira possibilidade de indicação da Terapia Floral de Bach é para determinadas situações, como: sentimentos, estado de espírito, situação aguda, estados emocionais passageiros e situação de emergência.

Entretanto, também existem os florais de tipo, que são indicados para trabalhar a personalidade do indivíduo, que sentirá o positivo de ser quem ele realmente é. Chegamos a esta conclusão de indicação do floral de tipo, muitas vezes, após algumas consultas. Apenas assim, conseguimos sentir o caráter, a característica, situações que se repetem por longo período, emoções profundas, descontrole emocional e traços da personalidade do cliente.

Em que situações os florais de Bach podem nos auxiliar especificamente?

Os florais de Bach podem ser indicados para as seguintes questões:

  •  MEDO:  Existem vários medos que os florais podem trabalhar, como medo de andar de avião, medo de que aconteça algo de ruim com os nossos seres queridos, medo de perder o controle físico, mental ou emocional.
  • INCERTEZAS E INSEGURANÇAS: Há momentos em nossa vida que nos sentimos com incerteza e insegurança.  Quando temos dúvidas sobre qual curso escolher na faculdade, por exemplo, ou ainda quando decidimos,  mas precisamos da aprovação dos outros e ficamos pedindo opiniões para que possamos fazer a escolha certa, ou,  para momentos de tristeza. Os florais podem nos auxiliar nestas situações e em muitas outras.
  • FALTA DE INTERESSE pelo momento presente: Muitas vezes perdemos inúmeras oportunidades na vida, pois não vivemos o nosso presente. Os florais podem nos auxiliar nestes momentos de dificuldade de concretização, de pensamentos fixos e indesejáveis ou de dificuldade de aprendizado.
  • SOLIDÃO: A solidão para algumas pessoas é normal. Elas muitas vezes gostam de estar só, mas o problema é quando isto acaba atrapalhando o convívio social saudável, tornando-as  melancólicas e tristes.  Outras, entretanto, sentem muita dificuldade de estar sozinhas e chegam a se tornar inconvenientes, afastando as pessoas. Nestes casos, os florais podem auxiliar fazendo com que o indivíduo seja mais sociável e feliz.
  • HIPERSENSIBILIDADE às influencias e ideias externas: Não nos damos conta, muitas vezes, de como as influências externas podem atrapalhar a nossa vida e sofremos. Sem tomarmos consciência deste fato,  nada podemos fazer. Mas na terapia floral podemos identificar isto e realizar o tratamento. Indicamos, por exemplo, para pessoas que tem um tormento interior escondido atrás de um sorriso aparente, para  pessoas submissas que permitem a dominação, para aqueles que sentem ódio, inveja, ciúme vingativo ou revolta.
  •  DESESPERO: Este é um sentimento que atormenta muitas pessoas nos dias de hoje e que pode ser tratado com muita eficácia com os florais de Bach. Especificamente, a indicação é para pessoas que não acreditam na sua capacidade, que sentem culpa, que se sentem sobrecarregadas ou aquelas que sentem um tormento mental extremo e não vêem uma saída para seus problemas.
  • CUIDADO EXCESSIVO com os outros:  A filosofia oriental nos ensina que devemos primeiro cuidar de nós para podermos estar fortes e, se for necessário, cuidar do outro. As pessoas deste grupo de florais sofrem muitas vezes porque querem cuidar  do outro e  esquecem de si. Os florais serão indicados para pessoas possessivas, ciumentas, muito eufóricas, que querem convencer a todo custo os outros daquilo que acreditam; para pessoas perfeccionistas, que tem um alto grau de exigência consigo e querem ser um modelo para os outros.

Fazer terapia floral é diferente do que só tomar o floral

Ufa! Bastantes indicações, porém existem muitas outras possibilidades. Cabe ao terapeuta identificar o que o cliente necessita naquele momento. Às vezes é algo intenso, outras vezes mais sutil. Podemos indicar num mesmo composto de seis a sete florais, como nos ensinou Dr. Bach. Assim podemos ser mais assertivos e chegar num resultado esperado.

O único composto floral deixado pelo Dr. Bach, pronto, foi o Rescue. Esse é indicado para situações de longa duração, emergência ou ainda situações antecipatórias. É sempre bom ter o Rescue disponível em casa ou na bolsa, pois não sabemos quando podemos ter uma emergência ou quando alguém precisará do nosso auxilio.

Importante ficar atento nos locais que vendem os florais originais, você consegue saber se um floral é original quando ele tem a assinatura do Dr. Bach registrada.

Quem pode indicar os florais de Bach e praticar a terapia floral?

Todo profissional devidamente habilitado pode praticar a terapia floral de Bach. Apesar dos florais estarem disponíveis para a compra nas farmácias de manipulação por qualquer pessoa, sem a necessidade de receituário, deixo aqui minha preocupação para que não seja banalizada esta terapia. Ela é muito simples, mas ao mesmo tempo muito profunda e para que seja melhor aproveitada é preciso uma orientação profissional. Assim, o cliente dispõe de uma hora de consulta para que  realmente o terapeuta possa chegar numa melhor indicação do composto floral para o seu momento de vida.

A consulta deve ser realizada uma vez por mês e, na minha experiência clínica, de uma sessão para outra há grandes mudanças. Mesmo que o cliente não tenha total consciência da sua evolução, conseguimos perceber e procuramos conscientizá-lo sobre sua melhora e dar continuidade ao tratamento. Vamos então trabalhar as novas demandas que vão surgindo. De um mês para outro sempre indicamos um novo composto.

Caso clínico realizado por mim que ilustra muito bem como a terapia floral pode nos auxiliar…

Uma moça, de 34 anos de idade, procurou-me pois tinha constipação intestinal desde os 15 anos e, desde então, fez diversos tratamentos sem resultado. Conseguia apenas evacuar de 15 em 15 dias. Além disso, apenas dormia no máximo 4 horas por noite, pois sofria de refluxo, o que a fazia sentir muita dor de estômago a noite.

Após o primeiro frasco do composto floral, já relatou grande melhora. Sentia-se mais calma e o intestino passou a funcionar diariamente. Também conseguiu dormir bem e a noite inteira.

Este caso clínico ilustra bem como funciona a terapia floral, pois a cliente nos procurou com queixas físicas, mas através da abordagem da terapia conseguimos sentir o que estava acontecendo emocionalmente com  ela. Não existe um floral para um problema físico específico, mas sim para o sentimento, a emoção que levou a desenvolver aquele sintoma, desta forma afirmo que todos os sintomas físicos têm um fundo emocional.

Com a mensagem abaixo do mestre Edward Bach finalizo esta publicação e espero que tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre a terapia floral de Bach. Se tiverem dúvidas ficarei feliz em esclarecer, basta deixar seu recado abaixo!

“A Vida não espera de nós sacrifícios inatingíveis, ela apenas pede que façamos nossa jornada com alegria em nosso coração e para ser uma benção para todos aqueles que nos rodeiam. Se nós fazemos o mundo melhor com a nossa visita, então nós cumprimos a nossa missão.”

 Edward Bach

Bjos a todos!

Sobre a autora:

Maria Cláudia Bittencourt, pós graduada em Medicina Tradicional Chinesa (Acupuntura) pela Universidade de Mogi das Cruzes e Especialista em Terapia Floral de Bach pelo Instituto Bach da Inglaterra.

Wattsap: (11) 98152-9122

E mail: caubittencourt@hotmail.com

Instagram: @mcbittenco

Conheça minha página no facebook clicando aqui!

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.